Prouni 2017 Inscrições terão início em Janeiro

Atualizado em: 6 dezembro 2016

by Prouni 2017 on 06/12/2016

Inscrições ProUni 2017 Janeiro: Dentro das próximas semanas o MEC (Ministério da Educação) irá divulgar o edital de mais uma edição do Programa Universidade para Todos. O período de inscrição do ProUni 2017 primeiro semestre será aberto na segunda quinzena de janeiro, logo após o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) publicar as notas dos candidatos que participaram do Enem 2016 – Exame Nacional do Ensino Médio.

Conforme informou o MEC, o resultado individual do Enem 2016 será divulgado no dia 19 de janeiro. Assim, como o processo seletivo do ProUni 2017 utilizará as notas do Exame, sabemos que as inscrições serão abertas poucos dias após a divulgação. Os candidatos terão que se inscrever exclusivamente via internet, sem pagar nenhum valor referente à taxa de participação.

Período de inscrição ProUni 2017 Primeiro Semestre será nas últimas semanas de janeiro

Assim que o MEC divulgar o edital da próxima edição do Programa Universidade para Todos, teremos confirmadas as datas de todo o processo seletivo, incluindo o período de inscrição do ProUni 2017 primeiro semestre. Entretanto, podemos afirmar que as inscrições serão realizadas ainda no primeiro mês do ano, visto que os resultados precisam ser publicados antes do início do primeiro semestre letivo das faculdades.

Criado pelo Governo Federal no ano de 2004 e institucionalizado pela Lei nº 11.096 de janeiro de 2005, o ProUni é um dos programas do MEC que contribuem para a democratização do acesso ao ensino superior no Brasil. Quem se inscreve no Programa concorre a bolsas de estudo integrais (100%) e parciais (50%) em instituições privadas de educação superior, em cursos de graduação e sequenciais de formação específica.

Onde e como se inscrever no ProUni 2017 primeiro semestre? O único meio de fazer inscrição no ProUni 2017 primeiro semestre é através da página oficial no portal do MEC, disponível no endereço http://siteprouni.mec.gov.br/. Assim que o período de inscrições for aberto, o estudante poderá acessar o site tendo em mãos o número de inscrição e a senha do Enem 2016. Aqueles participantes que não se lembrarem dos dados poderão, com auxílio de links de apoio disponíveis na própria página, recuperá-los com facilidade.

Ao se inscrever, cada participante tem o direito de concorrer a vagas em até dois cursos diferentes, em ordem de preferência. Em cada uma das opções, é necessário indicar o tipo de bolsa (integral ou parcial) e a modalidade de concorrência. Além da ampla concorrência, existem também as cotas do ProUni 2017, com reservas de bolsas a estudantes com deficiência e aos autodeclarados indígenas, pardos ou pretos. O percentual dessas bolsas reservadas é idêntico ao último censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) em cada classe de cada Estado.

Quais os principais requisitos do ProUni 2017? Quais as rendas máximas para cada bolsa?

Quando começam as inscrições do Prouni 2017

Para concorrer às bolsas do ProUni 2017, os candidatos precisam se enquadrar em alguns requisitos básicos. O primeiro deles é ter participado do Enem 2016 e alcançado 450 pontos ou mais na média das notas, além de aproveitamento maior do que zero na redação. O segundo é não possuir diploma de curso superior. Além disso, o participante deve atender a pelo menos uma das seguintes condições:

  • Ter cursado o ensino médio em escolas da rede pública ou em escolas particulares, desde que na condição de bolsista na própria instituição;
  • Ser portador de deficiência;
  • Ser professor de escola pública, em pleno exercício do magistério da educação básica, com intenção de concorrer a bolsas em cursos de licenciatura, exclusivamente.

Outro requisito indispensável é o de renda do ProUni 2017. As bolsas parciais são disponibilizadas a estudantes membros de famílias com rendimento bruto mensal igual ou inferior a um salário mínimo e meio. A oferta das bolsas integrais, por sua vez, é direcionada a estudantes que fazem parte de famílias que não ultrapassam a renda bruta mensal de 3 salários mínimos.

Desde que foi criado, o Programa Universidade para Todos vem contribuindo significativamente com a realização dos sonhos de milhões de estudantes brasileiros tornando possível o acesso ao ensino superior. Até o primeiro semestre de 2016, mais de 1,9 milhão de estudantes foram beneficiados com bolsas de estudo. Deste total, 70% das bolsas distribuídas foram integrais.

Para mais detalhes e informações sobre o Programa, continue visitando nosso site e leia outros artigos que já publicamos. Curta também a página do ProUni 2017 no facebook e fique por dentro de todas as nossas atualizações.

[Total: 53    Média: 3.2/5]

{ 0 comments… add one now }

Leave a Comment

Previous post:

Next post: